Palavra Pastoral
Estamos vivendo dias semelhantes aos dias que Amós profetizou. “Eis que vêm dias, diz o Senhor Deus, em que enviarei fome sobre a terra, não de pão, nem sede de água, mas de ouvir as palavras do Senhor”. Amós 8.11
Este é um período espetacular no que tange a Pregação e a aceitação do Evangelho. Muitos são os que estão aceitando a Jesus Cristo como o seu único e suficiente salvador. Podemos ver demonstrados neste ato, a fome pela Palavra de Deus. As pessoas já deram ouvidos a muitas fábulas e invencionices. Agora eles querem ouvir uma palavra que lhes causem impactos, que os levem a mudar de vida. Igualmente também, as pessoas querendo saciar suas sedes, já beberam de tudo e até se embriagaram. No entanto, tendo sede. Porém Jesus afirmou categoricamente: “Qualquer que beber desta água tornará a ter sede, mas aquele que beber da água que eu lhe der nunca terá sede, porque a água que eu lhe der se fará nele uma fonte de água a jorrar para a vida eterna”. João 4.13,14 Para aqueles que têm fome e sede Jesus disse: “Eu sou o pão da vida; aquele que vem a mim não terá fome; e quem crê em mim nunca terá sede”. João 6.35 E aos que têm fome e sede de justiça disse: “Bem-aventurados os que têm fome e sede de justiça, porque eles serão fartos”. Mateus 5.6.
Convido a você amado (a) internauta para unir-se a nós e juntos obedecermos a ordem de Jesus: “Dai-lhes vós de comer”. Marcos 6.37.